Assinatura Virtual

Cadastra-se e receba toda semana em seu e-mail o Ilha Notícias On-line.

Newsletter

Nome:

 

Email:

 


 

Nome:

 

Email:

 


Siga-nos

facebook
twitter
instagram
google+
youtube
blogger

Opinião

24/03/2017 - opiniao /Edição 1825
Sempre vale relembrar aos insulanos a diferença entre morar na Ilha ou em outra região da cidade do Rio de Janeiro. Considero o insulano um cidadão privilegiado, principalmente aqueles, homens e mulheres que, além de morar, também trabalham ou estudam na Ilha. 

Ao tratar desse assunto, meu objetivo é chamar a atenção do leitor sobre a importância de valorizar nossa região cujo território abriga quase 300 mil habitantes. Na questão da segurança, por exemplo, nenhuma outra região se compara à Ilha. É claro que problemas existem. Mas são pontuais e em uma proporção incomparavelmente menor do que a brutalidade criminosa que infelizmente existe nos bairros próximos que margeiam as linhas Vermelha e Amarela. 

Esses dois trajetos de vias expressas são usados obrigatoriamente pelos insulanos que trabalham fora da Ilha e são testemunhas do perigo que é circular de carro por essas vias. O medo se transforma em pânico quando ocorrem engarrafamentos e a ação de bandidos se torna imprevisível. 

Deixando de lado a questão do sistema de transporte urbano que, verdadeiramente precisa melhorar muito - com barcas funcionando em mais horários e linhas de ônibus novos ligando a Ilha à Zona Sul e outras regiões da cidade -, a Ilha é um excelente lugar para morar que oferece todas as delícias de uma região tranquila e acolhedora.

Muitos bons colégios, diversos clubes de lazer e dois polos gastronômicos com grande diversidade de especialidades consagram a Ilha como um lugar onde pode-se viver com qualidade. Quem tem esse privilégio não quer viver em outro lugar.




Veja Também

Opinião - Percorrer parte da orla da Ilha, parar, admirar as paisagens e fazer fotos é uma boa ideia de programa para fazer, principalmente nos fins de semana ou dias claros. O céu azul e nuvens que mudam de formato e lugar a cada minuto, valorizam as imagens e emolduram a beleza de nossas praias.

Opinião -

Opinião - A ocorrência de uma onda de assaltos na região da Ilha do Governador está apavorando a população e a situação chega quase ao descontrole. Diariamente somos assombrados por notícias de todos os bairros do Rio de Janeiro de todos os tipos de crimes, e na Ilha Governador, que sempre foi uma região mais tranquila do que as outras, a violência também cresce e apavora os moradores.

Opinião - O trânsito na Ilha está muito lento na Estrada do Galeão quase todos os dias, por razões diversas e em horários totalmente inexplicáveis, como por exemplo no início da tarde, quando o fluxo de entrada e saída é normal.

Opinião - O lixo que flutua sobre as águas da Baía de Guanabara é tão grave para o meio ambiente, quanto os milhões de litros de poluentes líquidos e invisíveis que são despejados nas águas e provocam graves doenças. Esses metais pesados e outros produtos químicos de uso suspeito e de incalculável poder contaminador, se misturam nas águas e contaminam mortalmente todos os seres vivos que bebem essa água ou vivem nela.

Opinião - Essa semana um leitor enviou ao Ilha Notícias imagens de um colchão velho boiando nas águas da Praia da Bica, jogado por um desconhecido. A redação postou, nas plataformas digitais do jornal, o texto da mensagem e as duas fotos. A indignação do leitor, que colaborou com o jornal, faz sentido pelo absurdo do descarte do objeto nas águas da Baía de Guanabara e provocou centenas e iradas reações na rede social de outros insulanos revoltados com o fato.


Edição 1843
Leia


Edições anteriores





Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras


 

Copyright© 2010 Ilha Notícias. Todos os Direito Reservados.
Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuido sem prévia autorização.