Assinatura Virtual

Cadastra-se e receba toda semana em seu e-mail o Ilha Notícias On-line.

Newsletter

Nome:

 

Email:

 


 

Nome:

 

Email:

 


Siga-nos

facebook
twitter
instagram
google+
youtube
blogger

Portuguesa investe na prevenção de lesões para a temporada de 2019

23/11/2018 - noticias /Edição 1912
Determinada a obter bons resultados na temporada 2019, ano em que a Portuguesa terá ao menos três campeonatos pela frente, o departamento médico do clube está realizando desde o inicio da pré-temporada, no dia 15 de outubro, baterias de exames médicos e fisioterápicos para avaliar as condições físicas de cada atleta e atuar na prevenção de lesões.

Na sexta-feira (16), os atletas foram submetidos, sob a orientação do fisioterapeuta Alexandre Cabral, ao exame de baropodometria, que identifica possíveis alterações biomecânicas nos pés, tanto parado ou durante a marcha. Trata-se de uma parceria com a clínica Passo a Passo Palmilhas, que vai estampar sua marca nos calções da Portuguesa durante os jogos. Para corrigir anormalidades identificadas individualmente em cada atleta, a clínica vai confeccionar palmilhas esportivas específicas.

- Estamos contentes em fechar essa parceria com a Portuguesa, um clube que cresce no cenário carioca. A baropodometria faz parte dos exames necessários para atletas de alto rendimento, como é o caso do futebol. Através das palmilhas, buscamos corrigir a postura da pisada de cada atleta e evitar ser surpreendidos por lesões, durante o ano – conta Alexandre. 

No mesmo dia, os jogadores realizaram exercícios funcionais de movimentos, conhecidos como FMS, que documenta padrões fundamentais para o bom funcionamento corporal. Nos exercícios, o objetivo é restaurar o padrão adequado do movimento funcional, mapear e corrigir erros apresentados através de condutas corretivas do método FMS. Os exercícios foram conduzidos pelo departamento de fisioterapia do clube. 

Até o fim do mês de novembro, o elenco profissional da Lusa também vai realizar avaliações biocinéticas para mapear os principais fatores de riscos para lesões e identificar se a capacidade motora e física do praticante está adequada ao volume e intensidade do treinamento praticado. As avaliações são feitas com tecnologia 3D e fazem parte de uma parceria da Lusa com a renomada Clínica Biocinética, que presta serviço aos grandes clubes do Rio de Janeiro.




Veja Também

Serão três dias de folia para a criançada na quadra coberta da Lusa - Dia 4/3 – Segunda Banda Polvo da Ilha – Concentração às 9h – Praça Iaía Garcia – Ribeira Banda Inimigos da Bebida – Concentração às 10h – Praça Comandante Nelson Megé, próximo ao Fórum da Ilha – Cocotá Banda Seca Copo – Concentração às 13h – Rua do Monjolo – Pitangueira GRBC Acabou o Amor – Concentração às 18h – Rua Domingos Mondim – Tauá

Resgatista insulano participou das buscas na tragédia em Brumadinho - A tragédia que atingiu a cidade de Brumadinho, em Minas Gerais, revelou diversos heróis que se deslocaram de diversas partes do Brasil, e do mundo, para ajudar as vítimas da tragédia. Entre os voluntários estava o veterinário insulano, Alexandre Calmon, que é adestrador e participa de uma organização de resgate com cachorros em desastres.

Carnaval agita Cacuia, Cocotá e Zumbi - Celeiro de grandes sambistas e berço da União da Ilha, o bairro do Cacuia conseguiu a oficialização do Carnaval este ano e, ao lado do Cocotá e do Zumbi, terão o apoio e suporte da Prefeitura com estruturas de palco, iluminação, som e banheiros químicos para a alegria dos foliões insulanos.

Estrada para Tubiacanga está pronta - As obras na estrada que liga ao bairro de Tubiacanga, realizada pela RioGaleão, foram concluídas e contam com grades que cercam a pista, ciclovia, guarita com cancelas e seguranças que se revezam no local. As obras, além de melhorar o acesso à Tubiacanga, também foram uma medida para evitar o aumento da invasão ao lado do posto do Detran, no início da estrada.

Alagamentos atormentam moradores - As ruas Caricé, Capanema, Max Yantok, Eutíquio Soledade, Gipóia, Benedito Patrício e adjacentes, no Tauá, sofrem há anos com os alagamentos em épocas de chuvas mais fortes. Segundo a prefeitura, um dos maiores problemas é que o local fica próximo ao nível do mar e a movimentação das marés dificulta o escoamento das águas pelo canal da Av. Ilha das Enxadas, nos Bancários, que liga as galerias de águas pluviais ao mar. O superintendente da Ilha Daniel Balbi, informou que após a chuva de quarta (13), que culminou no alagamento de diversas ruas do Tauá, pediu à Rio Águas a limpeza no canal dos Bancários para melhorar a fluidez no valão e dar um escoamento mais rápido às águas nas ruas alagadas. Na quinta-feira (14) operários da prefeitura finalizaram a limpeza.

Prefeitura começa a desassorear o rio jequiá - Para melhorar o escoamento das águas nos dias de chuva, equipe da prefeitura utilizou retroescavadeira para aumentar a profundidade do Rio Jequiá no trecho atrás da Vila Olímpica.


Edição 1924
Leia


Edições anteriores





Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras