Assinatura Virtual

Cadastra-se e receba toda semana em seu e-mail o Ilha Notícias On-line.

Newsletter

Nome:

 

Email:

 


 

Nome:

 

Email:

 


Siga-nos

facebook
twitter
instagram
google+
youtube
blogger

Cacuia sofre com comércio ilegal nas calçadas e confusão no trânsito

25/05/2018 - noticias /Edição 1886
Além da complicada disputa por passageiros, entre vans e ônibus, no ponto em frente ao Supermercado Mundial, o Cacuia sofre com a desordem provocada pelo comércio ilegal.

Quem caminha na calçada em frente a diversas lojas e farmácias localizadas no lado ímpar entre as ruas Sargento João Lopes e Combu, enfrenta problemas para seguir seu caminho, pois ambulantes e camelôs colocam suas mercadorias no chão criando pontos de vendas clandestinos, atrapalhando a passagem de pedestres e provocando prejuízos às lojas. 

O bairro do Cacuia é um dos principais da região e com uma grande circulação de pessoas que movimentam o comércio, que paga altas taxas de IPTU e aluguel, entretanto, além dos problemas de invasão das calçadas pelos ambulantes o trânsito fica lento e perigoso, pois vans e ônibus param em fila dupla.

A insulana Maria Rita, 46, evita passar pelo bairro. “Vir de carro ao Cacuia é uma prova de tensão. Achar uma vaga para estacionar é um desafio, pois diversas baias ficam tomadas por carros dos camelôs que ficam com a mercadoria o dia inteiro no local, além do trânsito caótico. Quando você salta tem que andar espremido entre outras pessoas, já que as mercadorias espalhadas pelo chão, ou as barracas, ocupam a passagem. Será que eles têm alvará para estarem aqui?” questiona a insulana. 

Os comerciantes locais denunciam que há abuso dos ambulantes e uma concorrência desleal. 

— Eles não pagam impostos, não emitem nota fiscal das mercadorias, além de atrapalharem a visão das vitrines das lojas. Somos obrigados a concorrer com preços desleais, pois, vendem mercadorias semelhantes na nossa porta. Enquanto ninguém faz nada, nós tomamos prejuízos.

Nas calçadas ainda é possível encontrar alimentos sendo vendidos sem as necessárias medidas de higiene ou sem refrigeração, colocando em risco a saúde dos consumidores.

A Superintendência Regional e a XXª RA em parceria com a Guarda Municipal tem realizado diversas ações de ordenamento no trânsito e para coibir as ações dos ambulantes. Mas, segundo os comerciantes, logo após a saída dos agentes da prefeitura os ambulantes retornam ao local. Segundo o subinspetor Adilson, que comanda a Guarda Municipal na Ilha, mais ações de ordenamento serão realizadas no bairro do Cacuia.



Veja Também

Flanelinhas ilegais agem na Ilha - Diversas calçadas da Ilha estão tomadas por carros estacionados irregularmente e flanelinhas ilegais que exigem pagamento para “olhar” o veículo. A ação se estende até em locais onde é permitido o estacionamento sem pagar. O não pagamento é risco.

Esgoto da Z-10 é despejado no mangue - A Colônia Z-10, tradicional vila de pescadores da Ilha, com cerca de 8 mil habitantes, sofre há anos com problemas de saneamento básico, falta de fiscalização dos carros que estacionam de forma irregular, além da falta de manutenção da única ponte de entrada e saída da comunidade que está com as ferragens à mostra.

Sol Sabores é exemplo de criatividade - Um quiosque localizado nas imediações do condomínio Rubem Berta, chama a atenção de quem passa pela Estrada das Canárias. O espaço é próximo a comunidade do Parque Royal e tem um jardim de plantas criado pelos proprietários do quiosque “Sol Sabores.”

Animais são deixados na Ilha do Fundão - A Ilha do Fundão é uma região onde muitos animais domésticos são abandonados. Segundo a Prefeitura da Cidade Universitária, são cerca de 15 animais, entre cães e gatos, que são deixados mensalmente na região, por diversos motivos. Atualmente o Serviço de Monitoramento Ambiental e Animal (Sema), age para coibir o abandono e proteger os bichos.

Moisés supera 100 mil no YouTube - O sucesso do cabelereiro Moisés Carvalho, 42, é a prova que o profissional da área da beleza e estética precisa estar sempre se reinventando. Além de ter se destacado internacionalmente pelas competições que já participou, e ganhou, ele agora se projeta na profissão com seu canal no YouTube que já ultrapassou 100 mil inscritos e 11 milhões de visualizações.

Sorteios e brincadeiras animaram o Dia dos Pais no almoço da Lusa - O Dia dos Pais, comemorado no domingo (12), foi lembrado na Associação Atlética Portuguesa com o tradicional almoço self-service dominical, realizado no Salão Nobre. Animação não faltou para comemorar a data daqueles que são guardados com carinho no coração de cada filho.


Edição 1898
Leia


Edições anteriores





Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras