Assinatura Virtual

Cadastra-se e receba toda semana em seu e-mail o Ilha Notícias On-line.

Newsletter

Nome:

 

Email:

 


 

Nome:

 

Email:

 


Siga-nos

facebook
twitter
instagram
google+
youtube
blogger

Grupo realiza ações em busca de apoio e mais atenção à Síndrome de Edwards

11/05/2018 - noticias /Edição 1884
Domingo, dia 6, foi o Dia da Conscientização sobre a Síndrome de Edwards e a Associação Síndrome do Amor em parceria com a ONG Somos Todos Compatíveis realizaram diversas ações no país para chamar atenção da população sobre a causa das crianças que nascem com a síndrome. Na Ilha a ação foi no Corredor Esportivo e contou com a participação de pais de filhos com a síndrome.
 
Segundo os especialistas a Síndrome de Edwards se dá pela cópia do cromossomo 18, ainda na fase embrionária o que muda bastante o funcionamento do corpo. 
 
A ação reuniu cerca de 100 pessoas que além da conscientização, buscam também mudar a ideia de incompatibilidade com a vida. O evento contou com a participação da Tribo Cacuia que garantiu o bom astral do movimento. A insulana Priscila Santana é mãe do João, de 2 anos, que é uma criança com a síndrome e sua luta é pela conscientização da área da saúde para melhorar o atendimento aos portadores da síndrome.
 
— Temos relatos de adultos que vivem com a síndrome, embora as dificuldades. Quando recebemos o exame já vem o diagnóstico de que o nosso bebê irá morrer e muitos médicos se recusam a realizar procedimentos cirúrgicos nas crianças, pois já há uma ideia estabelecida de que estão condenadas e não irão resistir. 
 
A insulana Tatiana Alves conta que a sua filha Helena foi diagnosticada com Síndrome de Edwards, e a criança morreu com a idade de 6 meses por complicações em virtude do problema. 
 
— A maioria de nós não conhecia sobre a síndrome antes dos nossos filhos. Nossa ideia com esse movimento é que as pessoas saibam mais a respeito, pois quanto mais pessoas souberem mais projetos e investimento do poder público serão destinados para tratar as crianças que nascem com a síndrome. Hoje a minha filha é uma estrelinha, mas conheço adolescentes, que apesar de todo diagnóstico contrário, estão vivos até hoje.
 
Para mais informações sobre a síndrome e como se envolver com a causa pelo site: sindromedoamor.com.br ou pelo telefone (16) 3235-1520.




Veja Também

Está de volta a colônia de férias da Lusa - Chegou as férias escolares e com elas está de volta à Colônia de Férias da Associação Atlética Portuguesa. É tempo de proporcionar alegria, interação e harmonia entre as crianças e adolescentes, de 3 a 14 anos, com atividades educativas e esportivas, no amplo espaço de lazer do clube.

Projeto de Taekwondo destaca atletas do Boogie Woogie em nível nacional - Em busca de promover inclusão social, cidadania e educação através da prática de esporte, o atleta e professor Fabio Silva coordena um projeto social de taekwondo há nove anos para pessoas que sonham se tornarem atletas profissionais do esporte. A sede do projeto está localizada no Ciep Olga Benário Prestes, no Cacuia, e as aulas acontecem as terças e quintas, a partir de 18h.

Esgoto invade casa na Pixunas - A comunidade da Pixunas, nos Bancários, sofre há anos com problemas de vazamento de esgoto, que coloca em risco a saúde dos moradores, principalmente das crianças que vivem na comunidade. Em alguns casos o esgoto transborda para dentro das casas. Os moradores dizem que já cobraram medidas das autoridades, mas ainda não obtiveram solução.

Exames clínicos agora com descontos - Investindo sempre no bem estar social das pessoas a Associação dos Mecânicos de Vôo da Varig – AMVVAR, cujo compromisso é com a qualidade de vida e a integração do ser humano, celebrou, recentemente, parceria com o Sistema Interclínicas para oferecer à população insulana orientação e encaminhamento para exames clínicos a preços populares, sem a necessidade de ser associada à entidade.

Pipa com cerol pode provocar acidentes - Soltar pipas é um dos divertimentos favoritos de crianças e jovens, principalmente nessa época das férias escolares quando as praças voltam a ter a presença da garotada aproveitando o tempo livre. A brincadeira, entretanto pode se tornar perigosa, para pedestres e principalmente motociclistas. As linhas com cerol podem provocar graves ferimentos.

Arraiá da Lusa será aberto ao público e terá parque de diversões e shows - O Arraiá da Associação Atlética Portuguesa está chegando e promete aquecer a região em seu ginásio nos finais de semana dos dias 20, 21 e 22 e na semana seguinte, 27, 28 e 29 de julho, a partir das 19h. A festa será aberta ao público geral e a entrada é franca. A diretoria da Lusa pretende proporcionar a melhor festa julina da região dos últimos tempos com diversão, gastronomia, música, cultura e entretenimento.


Edição 1894
Leia


Edições anteriores





Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras