Assinatura Virtual

Cadastra-se e receba toda semana em seu e-mail o Ilha Notícias On-line.

Newsletter

Nome:

 

Email:

 


 

Nome:

 

Email:

 


Siga-nos

facebook
twitter
instagram
google+
youtube
blogger

Colégio Newton Braga faz 58 anos

13/04/2018 - noticias /Edição 1880
Quando o assunto é educação na Ilha do Governador o Colégio Brigadeiro Newton Braga (CBNB) ocupa uma posição de destaque. Há cinco décadas instalado na região, o colégio que está no coração de milhares de insulanos, completou 58 anos, no dia 4 de abril, e desponta ainda como referência na formação de cidadãos com preceitos de disciplina e ordem. 

A origem do nome Newton Braga, cantada no hino do colégio pelos alunos na formatura semanal, é uma homenagem ao Brigadeiro do Ar que, pela primeira vez na história, em 1927, atravessou o Atlântico Sul (Brasil/Itália) a bordo do hidroavião JAHU. A instituição foi fundada em 1960 na Base Aérea do Galeão para atender os filhos de militares das vilas militares. Na década seguinte se mudou em definitivo para o prédio em frente à Praça do Avião. 

A escola teve seu auge nas décadas de 70 e 80 durante o governo militar. Hoje conta com 1.100 estudantes, divididos em 49 turmas, com classes do primeiro ano primário até o terceiro do ensino médio. A instituição que ao longo de cinco décadas já formou milhares de insulanos, vive a expectativa de dias melhores, depois de passar por uma crise financeira durante alguns anos e que preocupou a comunidade insulana. 

Mas no final de 2017, o comando do colégio saiu do III Comar e foi para a Diretoria de Ensino de Aeronáutica (Direns), órgão responsável pelas escolas especialistas de destaque, como a Epcar, AFA, entre outras. Com a mudança, os professores e a diretoria acreditam que os investimentos na instituição tendem a aumentar. 

— A esperança é essa, que agora o comando sendo da Direns, a escola volte a ser vista com outros olhos no que diz respeito ao investimento que recebemos. Estamos em viés de crescimento e firmes, trabalhando duro, para que o Newton Braga, mantenha os importantes patamares de qualidade na educação do Brasil — disse o diretor pedagógico, professor José Storino.

Com mais de meio século de história e formado milhares de cidadãos, o Colégio Newton Braga é referência de ensino e um gigante da educação insulana. Passou por dificuldades nos últimos tempos, mas hoje todos olham para o futuro cheio de esperanças. Viva!




Veja Também

Serão três dias de folia para a criançada na quadra coberta da Lusa - Dia 4/3 – Segunda Banda Polvo da Ilha – Concentração às 9h – Praça Iaía Garcia – Ribeira Banda Inimigos da Bebida – Concentração às 10h – Praça Comandante Nelson Megé, próximo ao Fórum da Ilha – Cocotá Banda Seca Copo – Concentração às 13h – Rua do Monjolo – Pitangueira GRBC Acabou o Amor – Concentração às 18h – Rua Domingos Mondim – Tauá

Resgatista insulano participou das buscas na tragédia em Brumadinho - A tragédia que atingiu a cidade de Brumadinho, em Minas Gerais, revelou diversos heróis que se deslocaram de diversas partes do Brasil, e do mundo, para ajudar as vítimas da tragédia. Entre os voluntários estava o veterinário insulano, Alexandre Calmon, que é adestrador e participa de uma organização de resgate com cachorros em desastres.

Carnaval agita Cacuia, Cocotá e Zumbi - Celeiro de grandes sambistas e berço da União da Ilha, o bairro do Cacuia conseguiu a oficialização do Carnaval este ano e, ao lado do Cocotá e do Zumbi, terão o apoio e suporte da Prefeitura com estruturas de palco, iluminação, som e banheiros químicos para a alegria dos foliões insulanos.

Estrada para Tubiacanga está pronta - As obras na estrada que liga ao bairro de Tubiacanga, realizada pela RioGaleão, foram concluídas e contam com grades que cercam a pista, ciclovia, guarita com cancelas e seguranças que se revezam no local. As obras, além de melhorar o acesso à Tubiacanga, também foram uma medida para evitar o aumento da invasão ao lado do posto do Detran, no início da estrada.

Alagamentos atormentam moradores - As ruas Caricé, Capanema, Max Yantok, Eutíquio Soledade, Gipóia, Benedito Patrício e adjacentes, no Tauá, sofrem há anos com os alagamentos em épocas de chuvas mais fortes. Segundo a prefeitura, um dos maiores problemas é que o local fica próximo ao nível do mar e a movimentação das marés dificulta o escoamento das águas pelo canal da Av. Ilha das Enxadas, nos Bancários, que liga as galerias de águas pluviais ao mar. O superintendente da Ilha Daniel Balbi, informou que após a chuva de quarta (13), que culminou no alagamento de diversas ruas do Tauá, pediu à Rio Águas a limpeza no canal dos Bancários para melhorar a fluidez no valão e dar um escoamento mais rápido às águas nas ruas alagadas. Na quinta-feira (14) operários da prefeitura finalizaram a limpeza.

Prefeitura começa a desassorear o rio jequiá - Para melhorar o escoamento das águas nos dias de chuva, equipe da prefeitura utilizou retroescavadeira para aumentar a profundidade do Rio Jequiá no trecho atrás da Vila Olímpica.


Edição 1924
Leia


Edições anteriores





Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras