Assinatura Virtual

Cadastra-se e receba toda semana em seu e-mail o Ilha Notícias On-line.

Newsletter

Nome:

 

Email:

 


 

Nome:

 

Email:

 


Siga-nos

facebook
twitter
instagram
google+
youtube
blogger

Obras vão acabar com vazamento de esgotos nas ruas do Parque Royal

12/01/2018 - Notícias /Edição 1867
Começou nesta semana, no Parque Royal, as obras para resolver o problema de transbordamento de esgoto em diversas ruas e que há anos vem causando sérios transtornos aos moradores da comunidade local. As obras fazem parte do Programa Favela Bairro, antigo Morar Carioca, e segundo técnicos da prefeitura o prazo para o término é de 30 dias.

A rede de esgotos existente na comunidade, atualmente se mistura com a de águas pluviais e leva junto muito lixo, provocando a obstrução da rede mista e o transbordamento do esgoto em algumas ruas da comunidade. Isso gera mau cheiro e risco de doenças, sobretudo nas crianças. 

Em Maio do ano passado, o prefeito Marcelo Crivella esteve na comunidade e autorizou a troca das bombas de recalque que enviam o esgoto para as estações elevatórias, que na época estavam queimadas.

Com a troca o problema apenas diminuiu, razão pela qual os técnicos da prefeitura decidiram agora realizar obras para separar a rede de esgotos da pluvial evitando a obstrução pelo lixo. Essas obras estão sendo executadas na Rua Rio e incluem também a desobstrução das galerias pluviais.

Na quarta (10), a vereadora Tânia Bastos acompanhada do superintendente regional Daniel Balbi, o administrador Regional Marcio Pimenta além do presidente da associação de moradores Gilson Oliveira e um grupo de moradores da comunidade, fiscalizaram as obras.

— O transbordamento do esgoto no Parque Royal, ocorria há uma década. Nesse tempo algumas medidas foram tomadas, mas só uma obra como a que está sendo feita agora pela prefeitura vai resolver o problema — disse Tânia. 

O superintendente regional Daniel Balbi pediu a colaboração dos moradores, para não jogar lixo nas ruas. “A infraestrutura do Parque Royal é antiga e houve um aumento muito grande da população gerando a necessidade da ampliação das redes subterrâneas. Acredito que com essas obras o problema irá acabar, mas também é necessária a conscientização dos moradores.”




Veja Também

Casa do Índio recebe proteção e apoio do Conselho Tutelar da Ilha - O 19º Conselho Tutelar, cuja sede foi inaugurado em abril na Ilha, funciona com uma equipe formada por cinco conselheiros, todos insulanos, eleitos pela população da Ilha do Governador. O órgão atua garantindo o direito das crianças e adolescentes na região. Recentemente se dispôs a ajudar as questões jurídicas da Casa do Índio, dirigida por Eunice Cariri.

Portuguesa exibe em super telão todos jogos do Brasil e de Portugal - A Copa do Mundo chegou e a Associação Atlética Portuguesa embarca no clima da maior competição entre seleções do planeta. A Lusa convida os associados e visitantes para assistir, em um mega telão, os jogos do Brasil e Portugal. O objetivo da diretoria é manter a tradição luso-brasileira, proporcionando momentos de lazer entre amigos e familiares.

Arraiá da Famig anima o Cocotá - Com diversas atrações para toda a família, a tradicional festa junina organizada pela Federação das Associações de Moradores (Famig), no Aterro do Cocotá, que já animou último final de semana dos insulanos, promete voltar nesta sexta (15) com mais atrações para o público que gosta de festas caipiras.

Moradores da Praia da Rosa são beneficiados por ação social grátis - A Associação de Moradores da Praia da Rosa e Sapucaia (AMA-PRS) em parceria com a ONG Correnteza do Bem, e o apoio da Clinica Clipo, o Curso Prepara, Fundação Leão XII e a Universidade Estácio de Sá realizaram no sábado, dia 9, diversas ações sociais para os moradores, em frente à sede da associação que contou com consultas médicas, orientação jurídica, cursos da Faetec, emissão de documentos e sorteio de diversos brindes.

Prefeitura faz encontro com insulanos - A Superintendência da Ilha e a XXª Região Administrativa, realizaram na quarta (13), reunião aberta à população e que compareceram cerca de 200 moradores, líderes comunitários e representantes de entidades da Ilha cobrando ações dos órgão públicos e apresentando sugestões. A ideia, segundo o superintendente Daniel Balbi é fazer reuniões periódicas e buscar soluções para as demandas dos moradores. A reunião contou com a participação de órgãos municipais e estaduais.

Moradores pedem por revitalização e iluminação do bosque Caio Granando - No dia do aniversário do atleta Caio Granado, que deu o nome ao bosque que fica entre as ruas Aureliano Pimentel, Ituá e Antônio País de Sande, no Jardim Guanabara, diversos moradores do entorno realizaram uma ação a favor do término das obras e ações de revitalização do bosque. Caio estaria completando 25 anos na data.


Edição 1889
Leia


Edições anteriores





Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras