Assinatura Virtual

Cadastra-se e receba toda semana em seu e-mail o Ilha Notícias On-line.

Newsletter

Nome:

 

Email:

 


 

Nome:

 

Email:

 


Siga-nos

facebook
twitter
instagram
google+
youtube
blogger

ACM faz 44 anos e continua forte

01/12/2017 - Notícias /Edição 1861
A Associação Cristã de Moços, unidade Ilha do Governador (ACM), completa no próximo dia 8, 44 anos de existência com um culto ecumênico e almoço para associados e convidados. O clube, que é um dos mais tradicionais da região, faz parte de uma associação internacional e agrega valores cristãos. 

A fundação da ACM, na Ilha, começa com a movimentação de um grupo de insulanos que buscava um clube diferente para suas famílias. Um deles, o professor Geraldo Cesar Barbosa, que era professor da ACM sede, localizada na Lapa, buscou junto a direção daquela unidade acemista a possibilidade de abrir uma filial do grupo na região e conseguiu.

O terreno escolhido, onde atualmente fica a ACM, pertencia a D. Climéria de Fonseca que só decidiu vender, sob a condição que no local também fosse construída uma capela. E em 8 de dezembro de 1973 foi realizado a cerimônia de inauguração da ACM Ilha. 

O clube já teve nove presidentes. O primeiro foi Walter Brito Bessa e o atual é José do Carmo Peixoto, que está na direção desde 1981, e desde 2007 exerce a presidência do clube. Atualmente a ACM possui cerca de 5 mil sócios, entre os quais, alguns beneficiados pelo projeto social para idosos e crianças. 

— É um prazer poder participar da história da ACM. O clima é familiar, e nas primeiras gerações todos associados ganhavam apelidos em função da amizade gerada e, até hoje, em nossas peladas não colocamos juízes, pois o clima na ACM é de grande amizade entre os associados que se respeitam e participam das atividades junto com as suas famílias — disse Peixoto.

A ACM faz a diferença porque todos são tratados de forma igual. “Esse é um dos motivos que é obrigatório o uso de uniformes: todos são iguais. Temos grandes fenômenos do esporte que já passaram por aqui como o ex-jogador Roger Flores e Diego Souza. Eles sempre foram tratados como os outros, embora fossem craques.”

Para 2018 uma novidade chega ao clube. Em parceria com a Universidade Unigranrio será implantada uma unidade do ensino à distância da instituição. E, segundo Peixoto, esse será o primeiro passo para a instalação de uma unidade da Unigranrio na sede da ACM, da Ribeira.

O ingresso para o aniversário do clube deve ser adquiro na secretaria da ACM. Informações: 3396-3044.




Veja Também

Futmesa no Campeonato Brasileiro - Os atletas da Associação Atlética Portuguesa, Alenio Cheble, Pedro Carlos, Horácio Jr, Marco Martins e Toninho já estão de malas prontas rumo a Aracaju (SE), onde serão realizados dois grandes eventos de Futebol de Mesa. No dia 31, o 10º Campeonato Brasileiro de Clubes e de 01 a 03 de junho, a 6ª Copa do Brasil Individual. Ambas competições serão realizadas na Categoria Liso.

Eventos, shows e festas agitam a Lusa - Além de shows e festas temáticas, como a Patin House Retrô e Só Flash Back, a Associação Atlética Portuguesa semanalmente realiza vários eventos para todos os gostos. Animação é que não falta para os associados e visitantes do maior clube da região.

Marinha promove ações para autistas - O Centro de Instrução Almirante Sylvio de Camargo (CIASC) realizou no sábado (19), a segunda edição do evento “Um Dia de Fuzileiro Naval Para Pessoas com Autismo”. A iniciativa foi da Marinha do Brasil em parceria com os grupos Compartilha e Mundo Azul, e contou com cerca de 200 crianças e jovens que participaram de atividades lúdicas do cotidiano de um fuzileiro.

Escoteiros estão alertas na Ilha - Três grupos de escotismo da Ilha realizaram atividades de incentivo à educação em escolas da região, na manhã do sábado, dia 19. As ações que fazem parte do projeto Educação Escoteira ocorreram simultaneamente em todo o país e tem como objetivo proporcionar às crianças e jovens um primeiro contato com o método e as práticas escoteiras. Outros dois grupos realizarão a ação neste sábado (26), na Escola Municipal Rotary.

Moradores defendem criação de bosque - A área de Mata Atlântica, com cerca de 16 mil m², localizado entre as ruas Aureliano Pimentel, Ituá e Antônio País de Sande, no Jardim Guanabara, foi alvo de protestos de um pequeno grupo de ativistas políticos, fato que gerou a revolta dos moradores do entorno do bosque, batizado com o nome de Caio Granado, jovem atleta vítima de um acidente automobilístico e que morava ao lado da mata.

Cacuia sofre com comércio ilegal nas calçadas e confusão no trânsito - Além da complicada disputa por passageiros, entre vans e ônibus, no ponto em frente ao Supermercado Mundial, o Cacuia sofre com a desordem provocada pelo comércio ilegal.


Edição 1886
Leia


Edições anteriores





Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras