Assinatura Virtual

Cadastra-se e receba toda semana em seu e-mail o Ilha Notícias On-line.

Newsletter

Nome:

 

Email:

 


 

Nome:

 

Email:

 


Siga-nos

facebook
twitter
instagram
google+
youtube
blogger

Esporte incentiva cidadania no Dendê

06/10/2017 - noticias /Edição 1853
Com o objetivo de ajudar na formação de bons cidadãos, o Projeto Futuro do Dendê, que existe há mais de 25 anos, promove aulas de futebol para crianças de 8 a 17 anos, que são completadas com conceitos sobre disciplina, caráter e respeito ao próximo. Sob o comando do professor Marcelo Henrique, o projeto reúne cerca de 80 crianças durante três atividades semanais.
 
Após passar pela experiência de perder pessoas próximas para o tráfico de drogas, Marcelo, que mora na comunidade do Dendê, decidiu investir nas crianças moradoras do local para ensiná-las um caminho diferente. Ter boas notas é um dos pré-requisitos para garantir vaga no projeto. 
 
— Algumas crianças que participam das atividades não tem boa relação com os pais e crescem sendo educadas pela vida, fato que geralmente resulta em um futuro desastroso.  Eu sempre bato na tecla para não abandonarem a escola e destaco que a maior arma que eles têm para se defender são os livros, instrumento que garante para todos um futuro melhor.
 
O adolescente Michael Bizerra (13), que faz parte do projeto há mais de sete anos, confessa respeito e gratidão pelos ensinamentos. “O projeto é um exemplo para a comunidade e meu pai me incentiva a participar. Nossa prioridade é o estudo, depois o futebol.” 
 
O Projeto Futuro do Dendê completa 26 anos em novembro, com aulas nas tardes das terças, quintas e sextas, no campinho do Dendê. Para participar, basta chegar durante os horários de treinos que começam às 15h, trazendo o boletim escolar, para comprovar boas notas. As aulas são gratuitas, mas o programa sempre necessita do auxílio de parceiros para ajudar na compra dos coletes, chuteiras e entre outros materiais que são fornecidos gratuitamente aos jovens participantes. Informações: 99369-7807.




Veja Também

Futmesa no Campeonato Brasileiro - Os atletas da Associação Atlética Portuguesa, Alenio Cheble, Pedro Carlos, Horácio Jr, Marco Martins e Toninho já estão de malas prontas rumo a Aracaju (SE), onde serão realizados dois grandes eventos de Futebol de Mesa. No dia 31, o 10º Campeonato Brasileiro de Clubes e de 01 a 03 de junho, a 6ª Copa do Brasil Individual. Ambas competições serão realizadas na Categoria Liso.

Eventos, shows e festas agitam a Lusa - Além de shows e festas temáticas, como a Patin House Retrô e Só Flash Back, a Associação Atlética Portuguesa semanalmente realiza vários eventos para todos os gostos. Animação é que não falta para os associados e visitantes do maior clube da região.

Marinha promove ações para autistas - O Centro de Instrução Almirante Sylvio de Camargo (CIASC) realizou no sábado (19), a segunda edição do evento “Um Dia de Fuzileiro Naval Para Pessoas com Autismo”. A iniciativa foi da Marinha do Brasil em parceria com os grupos Compartilha e Mundo Azul, e contou com cerca de 200 crianças e jovens que participaram de atividades lúdicas do cotidiano de um fuzileiro.

Escoteiros estão alertas na Ilha - Três grupos de escotismo da Ilha realizaram atividades de incentivo à educação em escolas da região, na manhã do sábado, dia 19. As ações que fazem parte do projeto Educação Escoteira ocorreram simultaneamente em todo o país e tem como objetivo proporcionar às crianças e jovens um primeiro contato com o método e as práticas escoteiras. Outros dois grupos realizarão a ação neste sábado (26), na Escola Municipal Rotary.

Moradores defendem criação de bosque - A área de Mata Atlântica, com cerca de 16 mil m², localizado entre as ruas Aureliano Pimentel, Ituá e Antônio País de Sande, no Jardim Guanabara, foi alvo de protestos de um pequeno grupo de ativistas políticos, fato que gerou a revolta dos moradores do entorno do bosque, batizado com o nome de Caio Granado, jovem atleta vítima de um acidente automobilístico e que morava ao lado da mata.

Cacuia sofre com comércio ilegal nas calçadas e confusão no trânsito - Além da complicada disputa por passageiros, entre vans e ônibus, no ponto em frente ao Supermercado Mundial, o Cacuia sofre com a desordem provocada pelo comércio ilegal.


Edição 1886
Leia


Edições anteriores





Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras