Assinatura Virtual

Cadastra-se e receba toda semana em seu e-mail o Ilha Notícias On-line.

Newsletter

Nome:

 

Email:

 


 

Nome:

 

Email:

 


Siga-nos

facebook
twitter
instagram
google+
youtube
blogger

Vila Olímpica faz evento literário

11/08/2017 - noticias /Edição 1845
Planejado para promover maior contato entre crianças e a literatura, aconteceu na Vila Olímpica Nilton Santos, na última quarta (9), o Projeto Literário Pegue e Leve, cuja proposta é incentivar o interesse pela leitura em crianças e adolescentes.  Participaram do projeto cerca de 100 alunos do colégio GEO, que funciona na Vila Olímpica da região e foi um sucesso entre a criançada.

Com o avanço da tecnologia uma geração cresceu inserida na realidade do mundo virtual e acabaram se afastando das aventuras vividas através da literatura, deixando os livros algo aparentemente tedioso. O Projeto Pegue e Leve apresenta os livros às crianças e estabelece possibilidade de contato com a leitura formal, geradora de opinião e da realidade linguística da atualidade.

O evento iniciou pela manhã e trouxe escritores para falar de suas obras aos alunos, além de apresentarem diversos tipos de livros. Ao final, as crianças escolheram e levaram para casa diversas obras que foram ofertadas pelo projeto.

João Pedro, do 6º ano, disse que se surpreendeu com as histórias de alguns livros e pretende se dedicar mais a leitura. “No início as só as capas me chamaram mais atenção, por seus desenhos e cores, mas agora eu também gostei das histórias.”

Michel Lima, administrador da Vila Olímpica disse que a iniciativa pretende ser repetida outras vezes. “Tivemos apoio de diversos departamentos literários da região. As crianças ficaram deslumbradas com as histórias e interessadas na nova descoberta, e mudaram a imagem que livro é algo chato. Foi um sucesso.” 




Veja Também

Portuguesa estreia na Taça Rio nesta segunda - Após 14 dias de intensos treinamentos, a Portuguesa volta a campo para a disputa da Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca, nesta segunda (19), às 19h30h, no Estádio Raulino Oliveira, contra o Volta Redonda.

Animação marcou o carnaval infantil da Lusa - Novamente a Associação Atlética Portuguesa levou alegria aos seus associados e visitantes. O Clube abriu suas portas para realizar o tradicional carnaval nos dias 11, 12 e 13, com matinês que contaram com a presença de centenas de famílias insulanas, que se divertiram intensamente nos três dias de folia.

Carnaval do Cocotá foi animado - O Carnaval do Cocotá começou no sábado (10) e foi até a terça (13) e animou os dias de folia dos insulanos. Com diversas atrações e um clima familiar, a festa contou com entretenimento para pessoas de todas as idades e buscou resgatar o tradicional carnaval, com brincadeiras e marchinhas. A festa foi organizada pela Federação das Associações de Moradores da Ilha e contou com cerca de 15 barracas instaladas perto da sede da Famig, no aterro do Cocotá.

Carnaval do Cacuia voltou para ficar - O Carnaval do Cacuia voltou esse ano e fez a alegria de milhares de insulanos de sábado até a terça de carnaval. O evento foi animado e predominou as marchinhas tradicionais, apresentação de grupos fantasiados e os bate-bolas.

Vermelho e Branco arrastou 15 mil foliões com a alegria de ser criança - O Bloco Vermelho e Branco da Colônia Z-10 levou ao delírio os 15 mil foliões que no domingo (11) acordaram cedo e foram acompanhar o desfile. Este ano, o gigante da Ilha, como é também conhecido o bloco, trouxe um enredo nostálgico sobre a alegria em ser criança e distribuiu doces para a meninada.

Batuke de Batom anima a Ribeira - O Bloco Batuke de Batom levou diversão a milhares de foliões que se concentraram na Praça Iaiá Garcia, na Ribeira, no final da manhã de terça (13). Com o enredo "Batukeiros do Mal, os Vilões do Carnaval", assinado pela carnavalesca Priscilla Pereira, o bloco falou sobre o preconceito com a festa de carnaval.


Edição 1872
Leia


Edições anteriores





Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras