Assinatura Virtual

Cadastra-se e receba toda semana em seu e-mail o Ilha Notícias On-line.

Newsletter

Nome:

 

Email:

 


 

Nome:

 

Email:

 


Siga-nos

facebook
twitter
instagram
google+
youtube
blogger

Ciclistas fazem passeio contra dengue

16/06/2017 - noticias /Edição 1837
A Associação de Ciclistas da Ilha - ACIG, em parceria com o Projeto Eliminar a Dengue: Desafio Brasil, da Fiocruz, realizou na manhã do último domingo (11), um evento ciclístico chamado de “Pedal Junino de Combate à Dengue” que saiu do Aterro do Cocotá e percorreu aproximadamente 20 quilômetros até Tubiacanga onde os participantes promoveram ações de conscientização do combate às arboviroses. 

O evento reuniu cerca de 400 ciclistas que passaram por diversos bairros da Ilha em direção a Tubiacanga onde os ciclistas plantaram árvores no local conhecido como Jardim de Oração e distribuíram mudas aos moradores. Em frente à Associação dos Moradores de Tubiacanga, a Fiocruz montou um stand para a conscientização dos ciclistas e moradores sobre o combate ao Aedes Aegypti.

- Em Tubiacanga, há três anos, lançamos o Projeto Eliminar a Dengue, liberando mosquitos com a bactéria Wolbachia, que impede a transmissão das arboviroses. Diante dos resultados positivos que tivemos, o Ministério da Saúde autorizou a expansão do projeto por toda região da Ilha do Governador. Posteriormente o projeto será estendido a outras regiões da cidade, alcançando cerca de dois milhões e meio de habitantes – disse Guilherme Costa, coordenador de engajamento do projeto da Fiocruz.

Para Luan Ferreira, da ACIG, a ideia de juntar o evento de pedalada que acontece todo segundo domingo do mês com a proposta da Fiocruz, incentiva aos moradores da região a se engajarem na causa. “Já tivemos epidemias na região e não podemos deixar que voltem, então nos juntamos com a Fiocruz com a ideia de ajudar no combate à dengue na Ilha.”

Pesquisas, ainda não oficiais, confirmam a redução dos casos de dengue, zika e chikungunya em Tubiacanga, onde 90% dos mosquitos do bairro possuem Wolbachia. Entretanto a Fiocruz alerta que o combate dentro de casa ainda é o meio mais eficiente, não deixando água parada. A equipe do projeto pretende soltar milhares de mosquitos com a bactéria Wolbachia nos próximos meses em todos os bairros da Ilha, para tentar diminuir drasticamente os casos de dengue da região.

Para mais informações sobre o projeto acesse: Fiocruz.br/eliminaradengue.





Edição 1837
Leia


Edições anteriores





Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras


 

Copyright© 2010 Ilha Notícias. Todos os Direito Reservados.
Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuido sem prévia autorização.