Assinatura Virtual

Cadastra-se e receba toda semana em seu e-mail o Ilha Notícias On-line.

Newsletter

Nome:

 

Email:

 


 

Nome:

 

Email:

 


Siga-nos

facebook
twitter
instagram
google+
youtube
blogger

Aulas de capoeira ensinam cidadania

19/05/2017 - noticias /Edição 1833
Atuando há mais de 20 anos como mestre de capoeira, o professor Rubem do Nascimento, realiza aulas para crianças e adultos de diversas comunidades da Ilha através do projeto Senhor dos Céus, que funciona no Salão de Festas do Condomínio Santos Dumont. 
 
Ex-menino de rua quando vivia na Bahia, o professor Rubem chegou à Ilha em 1996 e viu a capoeira transformar sua vida. Hoje com 35 anos transmite aos seus alunos a experiência que adquiriu e explica um pouco das virtudes dos praticantes do esporte. 
 
— Eu tive uma infância complicada, mas encontrei na capoeira meu porto seguro. A capoeira é uma forma de educar as crianças e ajuda muito a gastar energias. Esse esporte faz bem para saúde e ensina disciplina e cidadania para os praticantes. Tenho a plena certeza que a capoeira é um esporte de alta inclusão social — disse o professor, que conta com alunos das comunidades do Guarabu, Parque Royal, Praia da Rosa e Dendê. 
 
Na capoeira, segundo mestre Rubem, não basta apenas levantar as pernas. Ele ensina aos alunos a cantar, tocar os instrumentos e dançar dentro das diversas modalidades existentes, como o makulelê, samba de roda, a puxada de rede e a colheita estilos que fazem parte da cultura dos escravos, de onde surgiu o jogo de capoeira. 
Segundo Roberval Costa, pastor evangélico e pai do Josué Bimba, 13, a capoeira não necessariamente é ligada ao espiritismo e sente-se feliz em trazer seu filho para as aulas do projeto Senhor dos Céus.
— Eu vejo a capoeira como um fator de inclusão social e também como esporte. Alguns dizem que a capoeira provém do espiritismo, o que não necessariamente é verdade. Hoje eu vejo a felicidade que meu filho tem em querer estar aqui e jogar capoeira e sinto que o projeto pode crescer cada vez mais e mais. A história do professor é excelente, o esporte o tirou de uma vida desregrada e este projeto segue o mesmo caminho — falou o pastor.
As aulas são realizadas as terças e quintas, das 20h às 21h, e contam com alunos de ambos os sexos e de todas as idades. Os interessados em aprender capoeira no projeto Senhor dos Céus podem obter informações com o mestre Rubem nos dias de aula no salão social do Condomínio Santos Dumont.




Veja Também

Corrida reúne quase 2 mil atletas - A 4ª etapa do Circuito Ilha Carioca de Corrida de Rua foi realizada na manhã do domingo (10) e contou com a participação de cerca de 1600 atletas profissionais e amadores. Eles percorreram 5 km entre a orla da Praia da Bica e o depósito de combustíveis da Marinha, no Jardim Guanabara.

Portuguesa promove Bailaço das Antigas neste sábado - O Bailaço das Antigas apresenta pela primeira vez na Portuguesa o encontro das equipes de som consagradas: Pipo´s e Cash Box. O evento será neste sábado (16), a partir das 21h. O evento é retrô e vai contar com os sucessos dos bailes das décadas de 80, 90 e 2000, com seus paredões imponentes de caixas de som e potências. Os DJ´s Funk Boy - Cash Box e Magal - Pipo`s prometem sacudir a Ilha do Governador. Ingressos antecipados estão sendo vendidos pelo valor de 20 reais, na secretaria do Clube. Informações: 2462-3133.

Lusa faz parceria com Policlínica Carioca para a saúde dos associados - Para proporcionar mais benefícios aos sócios, a diretoria da Associação Atlética Portuguesa fechou mais uma parceria para o próximo ano. A sede ganhará uma unidade da Policlínica Carioca, que vai oferecer atendimento com especialistas qualificados. A assistência será estendida também aos atletas do clube e à população em geral.

Vila Olímpica tem aulas de percussão - A Vila Olímpica Nilton Santos está com vagas abertas para as aulas gratuitas de percussão. A oficina é comandada pelo professor Carlos Noronha, 48, e conta atualmente com cerca de 50 alunos entre crianças e adultos.

Marcelo Menezes assume o 17ºBPM - O 17º BPM está sob novo comando. O Cel. Odair Blanco, que ocupava a função desde 4 de março de 2016, passou o posto para o Ten. Cel. Marcelo de Menezes Nogueira, durante solenidade na manhã de terça (12).

Coronel Amêndola promete ações contra desordem urbana na Ilha - Durante reunião realizada na segunda (11), no auditório da Universidade Estácio de Sá, o secretário de ordem pública (Seop), coronel Paulo César Amêndola, foi enfático ao destacar que espera a aprovação, pela Câmara Municipal, da lei que permite o uso de arma de fogo pela Guarda Municipal, para enfrentar com mais eficiência situações e irregularidades graves.


Edição 1863
Leia


Edições anteriores





Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras