Assinatura Virtual

Cadastra-se e receba toda semana em seu e-mail o Ilha Notícias On-line.

Newsletter

Nome:

 

Email:

 


 

Nome:

 

Email:

 


Siga-nos

facebook
twitter
instagram
google+
youtube
blogger

Bailarina insulana de dez anos é convidada para curso nos EUA

17/03/2017 - Notícias /Edição 1824
Com apenas dois anos de idade a insulana Ana Clara Haua iniciou aulas de balé no Centro de Atividades Pedagógicas no Jardim Guanabara e, logo nos primeiros meses, os pais e a professora Simone Fernandes perceberam que Ana, mesmo muito pequena, se destacava entre as coleguinhas, chamando a atenção das bailarinas veteranas. 
 
Demostrando desenvoltura e muito talento, a aluna foi levada pela professora Simone para fazer uma aula experimental na Academia de Dança InCena Cia de Dança, no Jardim Carioca e, desde então, passou a fazer parte da companhia e integra o grupo de bailarinas que disputavam festivais pela academia. 
 
A cada apresentação que fazia Ana Clara conquistava premiações e, com o passar do tempo, a bailarina foi se aperfeiçoando e começou também a ganhar prêmios de destaque individuais com apresentações em Duo e Solo. As conquistas passaram a ser cada vez mais frequentes e nos dois últimos anos a jovem bailarina foi destaque absoluto em todos os festivais em que participou. 
 
Talentosa e dedicada ao balé, a insulana recentemente foi convidada para participar de um curso nos EUA, no Miami City Ballet School, uma das mais conceituadas escolas de balé do mundo. 
 
Agora, o pai de Ana, Saulo Haua, tenta encontrar patrocinadores que possam colaborar com o sonho de sua filha. “Fiquei emocionado com esse convite mas não sei como viabilizar a ida da Ana para os Estados Unidos. Sou autônomo e minha esposa é professora, lamentavelmente não temos condições de custear essa viagem”, lamentou o pai.
 
 Atualmente Ana está com 10 anos e é destaque absoluto nas apresentações de balé clássico no Brasil.
 
— Pratico balé há oito anos e me realizo quando estou ensaiando ou me apresentando. Hoje, meu sonho é ir participar desse curso em Miami. Sei que é difícil em função das questões financeiras, mas não perdi a esperança— disse a bailarina.
 
A mãe de Ana, Lucélia Haua, disse que os familiares estão se movimentando para tentar angariar fundos através de redes sociais. “Nossa família é muito unida e estamos nos mobilizando para realizar esse sonho que não é só da Ana, mas de todos nós”.
 
Empresas ou pessoas que puderem ajudar na viagem da bailarina insulana podem entrar em contato com os pais da menina: Saulo ou Lucélia, pelo e-mail: satehaua@gmail.com ou pelo telefone 3738-7727.




Veja Também

28ª Feira de Saúde e Cidadania do Rotary Ilha foi um sucesso - O Rotary Ilha do Governador realizou no sábado, 13, a 28ª Feira de Saúde e Cidadania da Ilha em parceria com a Somei e ACM. O evento que começou as 8h se estendeu até às 14h, atendendo cerca de 2 mil insulanos e, além dos rotarianos, contou com a participação de voluntários que coordenaram diversas atividades de recreação infantil e assistência social.

Lusa estreia no Brasileirão domingo em Moça Bonita - Principal torneio disputado pela Lusa neste ano, a trajetória do futebol profissional da Portuguesa no Brasileirão da Série D começa neste domingo (21), no estádio de Moça Bonita, em Bangu. Foi praticamente um mês de treinamentos intensos para buscar um bom desempenho lusitano na competição nacional.

Portuguesa celebra Dia da Padroeira - O sábado (13) marcou o centenário das aparições da Santa Nossa Senhora de Fátima - padroeira da Associação Atlética Portuguesa -, na cidade de Fátima, em Portugal. Membros da diretoria e os associados aproveitaram o dia para prestar homenagens e mostrar sua devoção a virgem protetora.

Aulas de capoeira ensinam cidadania - Atuando há mais de 20 anos como mestre de capoeira, o professor Rubem do Nascimento, realiza aulas para crianças e adultos de diversas comunidades da Ilha através do projeto Senhor dos Céus, que funciona no Salão de Festas do Condomínio Santos Dumont.

Câmara do Rio debate o autismo -

Areninha incentiva a cultura na Ilha - Depois de passar por reformas, no ano passado, a Areninha Carioca Renato Russo conseguiu se firmar como espaço cultural e de eventos para crianças e adultos insulanos. Localizado no Aterro do Cocotá, o local se tornou referência pelas oficinas que atendem a população a preços acessíveis e programação para todos os públicos.


Edição 1833
Leia


Edições anteriores





Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras


 

Copyright© 2010 Ilha Notícias. Todos os Direito Reservados.
Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuido sem prévia autorização.