Assinatura Virtual

Cadastra-se e receba toda semana em seu e-mail o Ilha Notícias On-line.

Newsletter

Nome:

 

Email:

 


 

Nome:

 

Email:

 


Siga-nos

facebook
twitter
instagram
google+
youtube
blogger

Alunos vão às ruas na campanha contra o mosquito Aedes aegypti

17/03/2017 - noticias /Edição 1824
Na sexta-feira (10), dezenas de alunos da rede municipal de ensino da região participaram da segunda etapa da campanha da Secretaria Municipal de Saúde: “Aqui mosquito não se cria”. A proposta da campanha é intensificar o combate à proliferação do Aedes aegypti, mosquito transmissor dos vírus da dengue, chikungunya, zika e febre amarela. 
 
O Secretário Municipal de Saúde, Carlos Eduardo de Mattos, informou que a situação atual no Estado é de chuva e calor, ambiente propício para o desenvolvimento do mosquito. “Estamos em temporada de verão, que acelera o ritmo biológico do nascimento dos mosquitos que compreende algo em torno de 7 dias. Temos que combater os criatórios, que gostam de sombra e água fresca.”
 
Daniel Balbi, Superintendente Regional, acompanhou cerca de 60 alunos da Escola Municipal Rodrigo Otávio, em uma caminhada conscientizadora no Corredor Esportivo, no Moneró. Os estudantes abordavam pessoas nas ruas e restaurantes e informavam sobre métodos de prevenção no combate aos arbovírus. Daniel disse que o apoio dos estudantes como multiplicadores de informação é excelente.
 
— Esses adolescentes e crianças estão crescendo conscientizadas acerca do que se pode fazer para evitar o aumento de um vetor de doenças, e elas têm uma forma toda especial de passar o assunto à frente – disse o superintendente, destacando a importância das secretarias de Educação e de Saúde unidas nessa missão.  
 
A gestora da 11ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE), Tânia Bendas, também esteve presente na ação dos alunos da Escola Rodrigo Otávio e se mostrou orgulhosa em ver os estudantes colaborando ativamente na segunda etapa da campanha.
 
— Eles estão hoje aqui no Moneró, mas foram orientados a levar essa mensagem de prevenção aos seus pais, responsáveis, parentes e vizinhos, precisamos da ajuda de todos para o mosquito não se criar aqui, disse Bendas, lembrando que, em abril, haverá a terceira etapa da campanha — falou Tânia.




Veja Também

Leandro Azevedo quer uma Comissão de Frente que emocione na avenida - O professor de dança Leandro Azevedo de 36 anos, que há nove dirige a Academia de Dança Leandro Azevedo, no Village, é a grande novidade na União da Ilha. Ele foi confirmado como o novo coreógrafo para comandar a comissão de frente da escola.

Portuguesa divulga nomes dos atletas selecionados na peneira - Garotos de diversas idades realizam o sonho de iniciar carreira no futebol

Lusa efetiva Rogério Corrêa como novo técnico da equipe profissional - A diretoria da Portuguesa decidiu efetivar o auxiliar técnico Rogério Corrêa para comando da equipe na Copa Rio. Em sua segunda passagem pela Lusa. O novo treinador vai ter a oportunidade de atuar pela primeira vez na sua carreira como técnico profissional e terá como objetivo a conquista da competição que dará direito à Portuguesa de disputar a Copa do Brasil de 2019.

Estudantes treinam judô no 17º BPM - A equipe Mamede Júnior que vem se destacando no cenário nacional do judô, realiza há cerca de cinco anos um projeto de aulas gratuitas de judô, que começou no espaço da Escola Municipal Nelson Prudêncio na Vila Olímpica e agora foi transferido para o 17°BPM, onde acontecem os treinamentos as segundas e quartas, de 17h às 18h.

Buchecha faz show beneficente para os projetos da ONG Solidariedade - Com o apoio do empresário Jorge Stefano, a ONG da Solidariedade realizou, na noite da segunda feira, dia 16, um Festival Beneficente de Pizza na casa Chave Mágica, localizada no Recreio dos Bandeirantes.

Aulas de balé infantil na Joaniza realizam sonhos na comunidade - A Igreja do Nazareno na Vila Joaniza abriu as portas para um projeto de balé infantil, cujo objetivo é levar a dança clássica como forma de cultura, lazer e educação à meninas, de 3 a 11 anos daquela comunidade. O projeto é gratuito e promove aulas todas às sextas-feiras, aA Igreja do Nazareno na Vila Joaniza abriu as portas para um projeto de balé infantil, cujo objetivo é levar a dança clássica como forma de cultura, lazer e educação à meninas, de 3 a 11 anos daquela comunidade. O projeto é gratuito e promove aulas todas às sextas-feiras, a partir das 18h e conta atualmente com a participação de 60 crianças. partir das 18h e conta atualmente com a participação de 60 crianças.


Edição 1881
Leia


Edições anteriores





Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras