Assinatura Virtual

Cadastra-se e receba toda semana em seu e-mail o Ilha Notícias On-line.

Newsletter

Nome:

 

Email:

 


 

Nome:

 

Email:

 


Siga-nos

facebook
twitter
instagram
google+
youtube
orkut
blogger

Bombeiros realizam colônia de férias

11/01/2013 - noticias /Edição 1606

 

Durante quatro semanas, 180 crianças e adolescentes da região vão poder se divertir e receber noções de preservação do meio ambiente e primeiros socorros na colônia de férias coordenada pelo Corpo de Bombeiros (19º GBM). O projeto Botinho, que é realizado desde 1963 na orla do Rio, acontece pela primeira vez na Ilha com atividades gratuitas na Praia da Bica e no Iate Clube Jardim Guanabara. 
 
A colônia teve início nesta semana e os participantes são divididos em três turmas: Golfinho, de 7 a 11 anos; Moby Dick, de 11 a 14 anos; e Tubarão, de 15 a 18 anos. O Major Montela é o coordenador responsável pelo projeto que conta com 20 monitores entre bombeiros e voluntários na equipe. As segundas, quartas e sextas, as turmas realizam atividades na Praia da Bica e as terças e quintas na piscina do Iate, sempre das 8h às 11h.
 
– Eles aprendem sobre a preservação do meio ambiente, os cuidados com riscos de afogamento, primeiros socorros, além da prática de atividades físicas recreativas na areia – explica o Major, que veio do batalhão de Copacabana.  
 
Os uniformes, as barracas e o material esportivo foram cedidos pela Cedae, que apoia o projeto Botinho. A companhia também forneceu às crianças cartilhas sobre o uso racional da água. O presidente da Cedae, Wagner Victer, esteve na Praia da Bica durante a aula na última quarta (9) e destacou a importância da Colônia de Férias. “É uma excelente ação de incentivo à preservação do meio ambiente e à prática esportiva. Estou muito feliz de ver o projeto na Ilha”, disse Victer, que é insulano.
 
Moradora do Jardim Carioca, Maria do Amparo Gomes acompanhou o filho João Victor, de 9 anos, no primeiro dia de atividades na Praia da Bica. 
– É a primeira vez que ele participa de uma colônia de férias. Estou aproveitando alguns minutos antes de ir para o trabalho, para vê-lo na areia. Achei o projeto muito interessante porque além de se divertirem, eles vão aprender a respeitar o meio ambiente – disse.
 
Assim que chegam, os alunos participam de um animado aquecimento com alongamento e corrida com canto, assim como os bombeiros fazem. “As noções de militarismo são para trabalhar a disciplina, sempre de forma divertida. Eles vão aprender a se comportar na água e também ter aulas sobre reciclagem do lixo. É uma satisfação fazer parte deste projeto”, comenta o Sargento Gilseney, que comanda a turma Golfinho junto com o Sargento Dantas.




Veja Também

Coreto ganha obras de revitalização - O jornal Ilha Notícias publicou na edição do dia 19 de dezembro do ano passado, denúncia contra as péssimas condições do coreto da Praça Manguetá, no Cacuia. A matéria aconteceu diante das reclamações que a moradora Adelaide Pontual fez ao jornal. Na ocasião, o coreto que já tem 79 anos e é uma referência no bairro, tinha problemas na sustentação da cobertura, as proteções laterais soltas e parte do teto sem telhado.

Canteiro pode virar ciclovia - Em 2012 ciclo-ativistas festejaram a aprovação de um projeto para implantar na Ilha um anel cicloviário com 18,2 km de rotas cicláveis. A expectativa era implantar uma estrutura segura e de qualidade para os ciclistas insulanos. Todavia, no desenrolar da execução do projeto, várias alterações impostas por órgãos de engenharia de tráfego limitaram a ideia a discutíveis faixas compartilhadas, modificações que provocam duras críticas da população insulana contra a subprefeitura diante do perigo que oferecem aos ciclistas e motoristas.

Basquete do Jequiá volta a brilhar - O Jequiá Iate Clube está retornando as suas raízes de formar times de basquete competitivos para alegria dos que ajudaram a fazer a história de mais de 40 anos de tradição do clube no basquete. Atletas que tiveram passagens honrosas e dignificaram o nome do Jequiá, como Fabiano Ferreira, Tiago Fernandez, Márcio Paulo e Pedro Rubem, iniciaram um projeto de recuperação do basquete do clube e já estão conseguindo resultados significativos.

Perigo na escadaria entre duas ruas - A escadaria que liga a Rua Gregório de Castro Moraes à Rua Cambaúba, no Jardim Guanabara está gera medo e constrangimento aos moradores das imediações e pessoas que utilizam a servidão. O local está com aspecto de abandonado, durante a noite a escuridão é absoluta, transeuntes que precisam passar pelo local contam que é muito arriscado utilizar o escadão.

Homem é morto após tentar assalto - Na tarde de quarta (25), uma tentativa de assalto dentro da casa de câmbio Bank Tour, na Portuguesa terminou com a morte de Cleyson Chaves Lima, 23. De acordo com policiais militares que fizeram a ocorrência, Cleysson, era morador da Nova Holanda, favela dos conjuntos da Maré e pertencia a uma quadrilha especializada em saidinhas de banco.

PM muda estratégia de segurança - Com o crescimento abrupto de ações criminosas nos meses de fevereiro e março, o comandante do 17º BPM, Tenente Coronel Wagner Nunes, iniciou uma nova estratégia de segurança para a Ilha. De acordo com o comandante uma nova modalidade delituosa começou a acontecer na região, que são os roubos de veículos com o sequestro momentâneo do proprietário.


Edição 1721
Leia


Edições anteriores





Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Poll ID 0 does not exist.


 

Copyright© 2010 Ilha Notícias. Todos os Direito Reservados.
Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuido sem prévia autorização.