Assinatura Virtual

Cadastra-se e receba toda semana em seu e-mail o Ilha Notícias On-line.

Newsletter

Nome:

 

Email:

 


 

Nome:

 

Email:

 


Siga-nos

facebook
twitter
instagram
google+
youtube
blogger

União comemora 64 anos

13/03/2017 - informativo-uniao-da-ilha /Edição 1823
A União da Ilha realizou missa, na última terça-feira (7), na capela Nossa Senhora de Fátima, no Jardim Guanabara, pelos seus 64 anos de fundação. Estiveram presentes membros de todos os segmentos da escola e representantes da escola de samba mirim Cavalinhos Marinhos.

A missa foi celebrada pelo Padre Virgílio que destacou a importância cultural da agremiação na região e pediu proteção aos componentes da União.

O presidente Ney agradeceu a Deus pela vida e por cada um dos seus colaboradores.

— É uma alegria que não cabe no peito estar celebrando os 64 anos de existência dessa agremiação e, sobretudo, estar à frente dela. O vice-presidente Djalma Falcão destacou que ao longo desses anos a União evoluiu. 

— Estamos progredindo gradativamente. Temos nossa escola mirim, motivo de orgulho para a agremiação, escolinhas de passistas, de ritmistas, mestre-sala e porta-bandeiras. Enfim, estamos investindo nas futuras gerações de sambistas sem esquecer a raiz e, como exemplo, o surgimento da nossa velha guarda musical — disse Djalma.




Veja Também

Bom desfile da União empolga a Sapucaí - Terceira escola a desfilar na segunda (12), a União da Ilha entrou na avenida um pouco depois de meia-noite e fez o desfile em 73 minutos, sem problemas técnicos. A agremiação pisou forte na avenida e contagiou as arquibancadas ao valorizar a gastronomia brasileira, mostrando as cores, sentidos e os aromas do enredo “Brasil Bom de Boca”, desenvolvido pelo carnavalesco Severo Luzardo. A Ilha levou à Sapucaí 3,2 mil integrantes divididos em 29 alas e apresentou 5 alegorias.

União da Ilha vai ser gostosa de ver - Com o enredo “Brasil Bom de Boca” desenvolvido pelo carnavalesco Severo Luzardo, a União da Ilha promete surpreender no desfile que acontece na segunda-feira (12), na Marquês de Sapucaí. Sendo a terceira escola da noite a entrar na avenida, a tricolor insulana aposta no bom resultado que poderá fazer e participar do sábado das campeãs.

União contagia a multidão no Cacuia -

Phelipe e Dandara querem a nota 10 - Na reta final antes do desfile no Sambódromo o mestre-sala Phelipe Lemos, 28, e a porta-bandeira Dandara Ventapane, 26, ensaiam seis vezes na semana para conquistar novamente a pontuação máxima no quesito. Com o enredo gastronômico “Brasil Bom de Boca”, desenvolvido pelo carnavalesco Severo Luzardo, o casal representa as especiarias trazidas pelos portugueses, além de toda a influência de Portugal na gastronomia brasileira.

Comissão de frente prepara um espetáculo - Há poucas semanas do carnaval, o coreógrafo Márcio Moura comanda uma Comissão de Frente formada por 15 integrantes, entre eles homens e mulheres, que ensaiam muito para conquistar os 40 pontos no segmento.

Bateria inova com 10 repiques-mor - No início da tarde de quarta, dia 10, a União gravou na Cidade do Samba o quadro sobre o carnaval de 2018 com a repórter Mariana Gross, para o RJTV da Rede Globo. A escola apresentou um pouco do que levará para a avenida no desfile.


Edição 1872
Leia


Edições anteriores





Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras