Assinatura Virtual

Cadastra-se e receba toda semana em seu e-mail o Ilha Notícias On-line.

Newsletter

Nome:

 

Email:

 


 

Nome:

 

Email:

 


Siga-nos

facebook
twitter
instagram
google+
youtube
blogger

Rogério é exemplo de empreendedor

28/07/2017 - gente-da-ilha /Edição 1843
Se procurar por Rogério Lira, no Jardim Carioca, talvez seja difícil encontrar de primeira, mas se perguntar pelo Canelão, ai todos conhecem e respeitam. Exemplo de empreendedor, Rogério é nascido na Praia da Rosa, que na sua época se chamava Sapucaia. Aos 4 anos se mudou para o Jardim Carioca, de onde nunca mais quis sair e hoje é um dos mais atuantes empreendedores da região.
 
Desde muito jovem começou a trabalhar, e aos 12 anos já ganhava os primeiros trocados na feira, quando uma grande responsabilidade surgiu em sua vida, após sua irmã ficar viúva, e ele foi obrigado a assumir os negócios do cunhado.
 
— Eu trabalhava com meu cunhado na serralheria que ele tinha na Praia do Zumbi, e após ele morrer assumi a loja para ajudar minha irmã a sustentar meus sobrinhos. Foi um dos maiores desafios da minha vida até hoje e isso fez com que eu me aprimorasse na profissão de serralheiro e fui crescendo profissionalmente.
 
De uma pequena loja no Zumbi se expandiu abrindo um escritório em sua própria casa e depois de algum tempo já tinha vários funcionários. 
Preocupado em ajudar seus amigos, e de coração generoso, Canelão inaugurou outras atividades comerciais na Ilha. “Abri uma padaria, um açougue e um mercado, todos com a ideia principal de ajudar alguns amigos e dar emprego a familiares.”
 
Aos 55 anos, a maior alegria é a sua família, e os momentos que está junto com a esposa Gildete Lira e filhos Amilton Lira, 22, e Lucas Lira, 14. Recentemente Rogério foi chamado para ajudar no futsal da Ascaer, onde seus filhos são destaques no futsal.
 
— Atualmente também estou envolvido com o esporte e cuido do futsal do clube Ascaer, onde também pude conhecer vários projetos e tive a oportunidade de também ajudar de diversas formas. Gosto do esporte, antigamente organizava campeonatos de futebol de rua em frente à minha casa com o objetivo de juntar a criançada e através do esporte fazer a diferença na vida delas. Hoje jovens que cresceram aqui me agradecem pela ajuda, e isso me alegra muito.
 
Rogério também organizava festas juninas e garante que seu maior sonho é um dia abrir uma clinica médica para atender os moradores da comunidade, não para ganhar dinheiro, mas para cuidar e dar qualidade de vida aos vizinhos e amigos.
 
Generosidade e solidariedade são marcas deste empresário que se orgulha das suas raízes e está sempre preocupado com o bem-estar do próximo. O sucesso das atividades de Rogério é a prova de que ajudando aos outros podemos chegar mais longe. Enfim, Canelão é um grande exemplo de Gente da Ilha, que prospera e continua humilde, amigos de todos!




Veja Também

Salim, a vocação para o social - Marcelo da Silva, mais conhecido como “Salim”, é um insulano nato apaixonado pela Ilha do Governador, que tem como filosofia de vida a crença no Grande Arquiteto do Universo. Atualmente é um dos coordenadores da Feira de Artesanato da Ilha do Governador que acontece aos finais de semana na Praia da Bica e na Ribeira.

Dublê de Antônio Fagundes é da Ilha - Quem gosta de ouvir uma boa história, sem dúvidas, se tornaria amigo do insulano Jorge Salles. Morador da Tauá, Jorge tem uma interessante trajetória de vida que o tornam um personagem diferente no cotidiano insulano. Já aposentado, Jorge Salles (66) é dublê do ator Antônio Fagundes e já foi militar, bancário, taxista e até árbitro de futebol. Reúne competência, profissionalismo e, é claro, boas histórias para contar.

Célia é a tradição em cestas na Ilha - A insulana Célia Félix se destaca na região há mais de vinte anos preparando bonitas cestas de café da manhã. Atenciosa e perfeccionista, ela é conhecida como Célia Cestas e monta com muito carinho cestas para todas as ocasiões com doces, salgados, biscoitos, sanduíches, frios variados e pães diversos, que encantam os insulanos.

Sua bandeira é a luta pela ecologia - Sérgio Ricardo, 50, é um insulano engajado nas causas ecológicas e sociais da região e coordenador de diversos projetos em defesa da Baía de Guanabara, além de promover as feiras agroecológicas da Praia da Bica e da Igreja Batista no Moneró.

Ana Paula dá alma às bijuterias - Ana Paula, 49, nasceu na cidade de Miraí, zona da mata de Minas Gerais, e se considera uma mineira de alma insulana. Aos 18 anos veio para a Ilha do Governador e daqui não saiu mais, e nem pensa em sair. Ana é conhecida na região por participar de diversas ferinhas vendendo bijuterias artesanais. Em abril deste ano abriu uma loja física no Ilha Plaza Shopping.

Orgulho de ser insulano da gema - Paulo Henrique, 46, é morador da comunidade do Guarabu, e ganha a vida, há mais de quinze anos, vendendo deliciosas pipocas, na Rua Sargento João Lopes, em um ponto quase esquina com a Estrada da Cacuia, na calçada ao lado da loja Kazinha. O segredo do sucesso da sua pipoca ele não guarda. ”Tudo que é feito com amor é bom. E na minha pipoca esse ingrediente nunca falta”.


Edição 1894
Leia


Edições anteriores





Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras