Assinatura Virtual

Cadastra-se e receba toda semana em seu e-mail o Ilha Notícias On-line.

Newsletter

Nome:

 

Email:

 


 

Nome:

 

Email:

 


Siga-nos

facebook
twitter
instagram
google+
youtube
blogger

Boca no Trombone

29/03/2019 - boca-no-trombone /Edição 1930
Esquina perigosa
Na Rua General Mário Hermes esquina com Rua Babaçu, no Jardim Guanabara, há mais de dois meses, sempre que chove abre um buraco na via e ninguém conserta direito. Um perigo, para os veículos e transeuntes e risco de acidente eminente! Claudiberto Ferreira, via Facebook.
 
Por que?
Gostaria de saber por que o espaço de atividades físicas entre as ruas Gregório de Castro e Breno Guimarães no Jardim Guanabara próximo a Igreja Batista está abandonado, com mato, sujeira e sem iluminação. Robson Barroso, via e-mail.
 
Desordem urbana
Tem carro utilizando a calçada como estacionamento na Estrada do Galeão, na Portuguesa,  em frente ao Itaú, Santander e Mc'Donald’s. As vans são um verdadeiro deboche, fazem o que querem. Param onde querem e bem entendem. As portas das Escolas são um inferno. Tem flanelinha em todos os lugares e todos ilegais intimidadores. Até no Fórum da Ilha tem flanelinha.  Paulo Drummond, via e-mail.
 
Corredor Esportivo
O Corredor Esportivo, no Moneró, está cheio de buracos e com o mato sem ser cortado há muito tempo. O IPTU da Ilha não é barato. Francisco Carneiro, Via WhatsApp.
 
Remendo ruim
A obra que está sendo feita na Estrada do Galeão, sentido saída da Ilha, entre o Colégio Newton Braga e o Lemos Cunha, está deixando a estrada com várias ondulações, pois o acabamento da pista está ficando péssimo, tem que recuperar a pista inteira e não parte. Cassio Lourenço, via e-mail.
 
Cadê os ônibus?
A falta de transporte depois das 23h na Ilha é um descaso com os moradores. A gente tem que mofar nos pontos, sem segurança e sem iluminação rezando para que não sejamos assaltados, ou pegar mais de uma condução. Principalmente nas Pitangueiras e Praia da Bandeira, que normalmente já não tem ônibus. Yuri Matias, via WhatsApp.
 
Faixas no asfalto
Já fiz várias reclamações junto a Prefeitura e nada ainda da pintura horizontal de divisão de fluxo no asfalto nas Av. Paranapuã e Estrada do Dendê. Estamos correndo risco de um grande acidente, porque os ônibus, vans e motocicletas circulam pela contra mão não respeitando o sentido do fluxo. Reis, via e-mail.
 
Light urgente
É um grande descaso da Light com os moradores da Ilha, em especial com quem mora no Jardim Carioca. Numa mesma noite mais de cinco quedas de energia, será que eles acham isso normal? Acontece independentemente de estar chovendo ou não. Wallace, via Twitter.
 
Sujeira na praia
A Comlurb poderia fazer uma limpeza com máquinas na Praia da Rosa. Quando a maré está baixa, podemos ver o tanto de sujeira que tem no lugar, que se mistura com a areia e forma uma camada de lama. Wagner Souza, via WhatsApp.
 
Os barulhentos
Está insuportável aguentar os motoqueiros na Ilha, principalmente na Freguesia e Bancários. Será que não tem fiscalização? Como pode eles andarem com o escapamento do jeito que andam? É barulho até de madrugada. Um desrespeito. Luciana Amaral, via WhatsApp.
 
Lixo sobrando
Peço à Comlurb para que volte a colocar nos postes cestos de lixo. Moro no Zumbi e se tiver duas cestas é muito. Acho que pra mantermos nossos bairros e cidades limpas, é necessário que a Comlurb ajude colocando lixeiras nos postes. Mas também é importante que haja a coleta frequente pois as poucas que vejo estão abarrotadas de lixo. Fátima Nizzo, via e-mail.
 
Trajeto perigoso
É muito difícil caminhar pela orla das praias do Barão e Congonhas do Campo, entre o Cocotá e a Freguesia, por causa da grande quantidade de lixo e péssimo estado de conservação. Sem contar a calçada com buracos. Gustavo Abreu, via WhatsApp.
 
Queremos silêncio
Quem mora nas redondezas da Praia da Bica sofre muito. Está cada vez mais difícil dormir, devido aos carros com som alto e os quiosques que ficam até às 2h da manhã com música em alto volume. Cadê a Lei do Silêncio? Existe? Rodolfo Lima, via WhatsApp.
 
Lata velha
A empresa de ônibus Paranapuã é uma vergonha! Andamos em um lixo ambulante! Tudo sujo e quebrado por dentro. Nojo de encostar no coletivo. Aline, via Twitter.




Edição 1933
Leia


Edições anteriores





Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras