Assinatura Virtual

Cadastra-se e receba toda semana em seu e-mail o Ilha Notícias On-line.

Newsletter

Nome:

 

Email:

 


 

Nome:

 

Email:

 


Siga-nos

facebook
twitter
instagram
google+
youtube
blogger

Boca no Trombone

24/02/2017 - boca-no-trombone /Edição 1821
Esgoto no Cocotá
Há mais de uma semana esgoto correndo na calcada da escola Abelard Feijó, no Cocotá. Esse problema é recorrente durante todo o ano. Peço que a empresa tome uma medida definitiva para resolver essa situação. Bruna Ferreira, via WhatsApp.

Resposta: A assessoria de comunicação da Cedae informou através de nota que o reparo de vazamento de esgoto na Rua Abelard Feijó, será executado nesta sexta (24).

Atenção, gente
Na subida da Rua Apaporis, no Cocotá, existem vários motoristas estacionando de forma irregular o que atrapalha a passagem dos carros maiores, principalmente as kombis cabritinhos. Custa facilitar a vida do próximo? Lucas Sales, via WhatsApp.

Caminhadas, não!
A calçada da Praia da Bica durante à noite, principalmente aos finais de semana, está ficando intransitável. Os quiosques não ligam para os pedestres e colocam mesas e cadeiras no meio da passagem. Enquanto isso, os pedestres se arriscam na pista. Davi Almeida, via Redação.

Arruaceiros
Domingo (20), eu e meu marido fomos surpreendidos por vândalos na Praia da Bica, que não nos deixaram passar chutando nosso carro, pulavam em cima e jogavam objetos contra nós. Onde estava o policiamento para garantir nosso direito de ir e vir? Laura Paixão, Via Facebook.

Mulheres ladras
Há um grupo de mulheres assaltando no Jardim Guanabara. Minha tia foi vítima delas e quando chegamos na 37ª DP, para fazer o boletim, mais três senhoras tinham sido assaltadas pela mesma quadrilha. Revoltante! Thayna Pinheiro, Via Facebook.

Quebra-molas
A Rua Ituá fica perigosa à noite e cada quebra-mola virou um ponto de assalto para os motorista. Ficamos entre a opção de quebrar a suspenção do carro ou ser assaltado. Absurdo! Paulo Rossi, via Facebook.

Assalto
Fui assaltada com mais quatro amigos em frente ao Colégio Mendes de Moraes, na Freguesia. Dois caras em uma Uno branca de início de placa DDI. A Freguesia está abandonada, não vemos policiamento pelo bairro e a cada dia um novo assalto. Até quando viveremos com medo? Jussara Ferreira, via Facebook

Buraco na rua
É revoltante ter um buraco em frente a minha casa que me impede de entrar com o carro na minha própria garagem. Sou moradora do Jardim Guanabara, pago um IPTU alto e nem posso entrar nem sair de casa ou passear com minha avó de 90 anos que usa cadeira de rodas. Nathália Tavares, via Facebook.
 
Monjolos irregular
Na Rua dos Monjolos a bagunça que os motoristas fazem estacionando no lado que não é permitido é irritante. Na curva você não vê quem vem no sentido contrário. A GM tem que passar diariamente pelo menos para multar quem estaciona do lado que não é permitido. Anderson Rodrigues, via Facebook

Blocos na Bica
Muro urinado, portão depredado, família acuada dentro de casa, barulho ensurdecedor e tiros. Isso foi o que eu minha família vivemos no domingo na Praia da Bica enquanto um bloco passava. Pelo amor de Deus, parem com estes desfiles aqui na Praia da Bica, infelizmente não há estrutura para isso! Gerson Barbosa, via telefone.

Verzul
Os frequentadores do clube Verzul, no Corredor Esportivo do Moneró, estão passando por cima do canteiro para estacionar seus carros na porta do clube aos domingos. Colocam em risco a segurança dos frequentadores, inclusive das crianças. Carlos Viana, via Facebook

Poste danificado
Poste na Estrada do Galeão, altura do número 1779, está completamente danificado, com as vigas à mostra e enferrujadas. Precisamos que seja reparada urgentemente, pois há riscos de cair em cima de alguém, ou até dos carros na via. Filipe Ferreira, via redação

Alarme no colégio
Barulho de alarme o dia inteiro e de madrugada também, vindos do Colégio MV1 na unidade do Cocotá. Ninguém consegue relaxar de noite, ver televisão e nem dormir, porque fica esse inferno ecoando pelo Cocotá. Simone Varanda, via Facebook.

Barulho na Capituí
Na Rua Capituí, no Jardim Carioca, pessoas ficam fazendo barulho de madrugada com suas motos, dando estalos de tiros e apostando corrida, atrapalhando o descanso dos moradores. Muita Falta de respeito! James Galvão, via Facebook

Perigo
Fui assaltada na segunda (21) por volta das 20h na Rua Engenheiro Maia Filho, Pitangueiras, por uma moto preta. Vizinhos disseram que já houveram cerca de 30 assaltos da mesma forma nas últimas semanas. Cadê os policiais fazendo ronda por ali? Ana Clara, via WhatsApp.



Veja Também

Boca no Trombone - Assalto na Uçá Na quinta (9), por volta das 22h, fui assaltado por dois caras em um Chevrolet Astra preto de vidros escuros no cruzamento da Rua Engenheiro Rozauro Zambrano com a Rua Uça, no Jardim Guanabara. Os bandidos ficaram com o veículo ligado aguardando alguém passar e me ameaçaram com uma pistola pedindo meus pertences. Parece que essa localização é ótima estrategicamente porque eles conseguem pegar rapidamente a Cambaúba. Cristian Soriano, via Facebook.

Boca no Trombone - tomam providência para resolver isso. Lucio Bernardo, via WhatsApp. Vans & Idosos As vans das linhas do Zumbi e Ribeira nunca tem vaga para os idosos. Um descaso total. Parece que eles não pensam que um dia também serão idosos? Lúcia Maria, via WhatsApp.

Boca no Trombone - Gás na Engenhoca O cheiro de gás na região da Praia da Engenhoca continua forte, principalmente quando tem movimentação de embarcações. De noite parece que o cheiro piora. Precisamos da fiscalização da Marinha nessas embarcações, não é possível que sejamos obrigados a conviver todos os dias com isso! Cleide Soares, via Facebook.

Boca no Trombone - Passagem perigosa Passo todos os dias pelo acesso que liga o Condomínio Santos Dumont com a Aerobitas e realmente é um problema para os pedestres, já que a circulação do número de motos é grande. Alguns motociclistas ainda olham de cara feia se você não dá passagem pra eles. Eliana Matos, via Facebook.

Boca no Trombone - Longa espera Pegar condução de noite está cada vez mais difícil. Outro dia por volta da meia noite, fiquei mais de 40 minutos sozinha no ponto esperando que alguma van ou ônibus passasse. Suellen Oliveira, via Facebook.

Boca no Trombone - nsatisfação Na segunda (9), ao embarcar no frescão da Ideal (B28719), por volta das 7h, no ponto do Casa Show, fui desrespeitada por não ter dinheiro trocado. Tentei pagar com uma nota de 50, mas o motorista foi arrogante dizendo que eu precisava facilitar a vida dele por conta do horário e queria que eu descesse do ônibus. Pagamos 11,50 por uma passagem e ainda somos tratados com falta de respeito pelos motoristas. Luane Santana, via Facebook. Resposta da ideal: A empresa informou que todos os seus motoristas são orientados a manterem disponível o valor para troco e que o motorista em questão será identificado e orientado para o treinamento de reciclagem quanto ao atendimento.


Edição 1859
Leia


Edições anteriores





Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras

Vista aérea da Vila Olímpica da Ilha na fase final das obras


 

Copyright© 2010 Ilha Notícias. Todos os Direito Reservados.
Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuido sem prévia autorização.